Curvas minimalistas e o elogio à geometria


O novo projeto de Caio Bahouth nasce de seu olhar atento para sutilezas das formas ao redor, refinado por anos de criação como designer de móveis e produto. Bautti, marca de joias inspirada no nome da família, carrega também uma tradição que atravessa gerações: filho de joalheira, o designer agora incorpora ao seu portfólio a assinatura de anéis, brincos, pulseiras e colares com forte estética autoral - muitos deles desenhados na bancada de trabalho da mãe.

O interesse pela criação de joias, antes um hobby, agora ganha forma na primeira coleção da marca. Ao todo, 30 peças compõem uma série que traduz o gosto pela experimentação e os múltiplos interesses de Caio, mesclando referências do design, arquitetura, arte e referências da joalheria clássica. “Essa primeira coleção é o reflexo de uma história marcada por diferentes momentos e criações, um apanhado das peças que desenhei ao longo dos últimos anos. Uma apresentação do meu imaginário e sua evolução ao longo do tempo”, conta.

O resultado é uma releitura elegante e inventiva da joalheria tradicional. Nela, o metal aparece como grande destaque, criando formas tão interessantes quanto as pedras que compõem algumas das peças. As curvas minimalistas e o elogio à geometria são outro atrativo da coleção, que equilibra com naturalidade força e leveza. Como pequenas esculturas, as joias Bautti revelam o rico diálogo entre o design contemporâneo e memórias afetivas numa tradição reinventada com cuidado e criatividade.